A Chapada dos Guimarães

Município
mar17

A Chapada dos Guimarães

Notícias no responses

Comparado aos outros estados brasileiros, Mato Grosso pode ser considerado um tanto quanto desconhecido. Podemos dizer que este é um aspecto positivo, pois temos mais oportunidades para surpreender nosso visitante, seja com a gentileza e hospitalidade do nosso povo.

Com nossa rica cultura, nossa deliciosa culinária ou, acima de tudo, com paisagens naturais deslumbrantes características dos três diferentes biomas que compõem a fauna e flora do estado: Cerrado, Amazônia e Pantanal. Uma visita a Mato Grosso sempre é, sem sombra de dúvidas, uma viagem recheada de momentos e experiências inesquecíveis.

Cerrado: Imponentes paredões e formações rochosas de arenito, esculpidos pela ação das chuvas e dos ventos, emolduram a paisagem dessa região, envolvida por lendas e misticismo e repleta de belezas naturais, como grutas, cachoeiras, cânions e sítios arqueológicos.

"Parque Nacional da Chapada dos Guimarães, onde o verde te encanta! "

Encante-se

Considerado um dos mais importantes destinos de ecoturismo do país, o Cerrado abriga rios e corredeiras com ótimas condições para a prática de Rafting e canoagem, piscinas naturais de águas cristalinas propícias ao mergulho e inúmeras trilhas e quedas d’água que atraem adeptos do Trekking, do Canyoning e do Rapel.

A fundação oficial do primeiro núcleo ocorreu em 1751, quando a missão jesuíta liderada por Estevão de Castro se instalou na localidade, até então habitada apenas por algumas poucas famílias que trabalhavam na produção dos engenhos de açúcar. Outras atividades, como a mineração e a agricultura, exerceram um papel fundamental no processo de ocupação e desenvolvimento da região. Circundada por vegetação de Cerrado, repleta de sítios arqueológicos e favorecida pela abundância de nascentes, cursos e quedas d’água, Chapada dos Guimarães é considerada um dos principais destinos turísticos de Mato Grosso. Com fácil acesso e próxima à capital do estado, mantém um bom fluxo de visitantes, guardando as características típicas de uma pacata cidade do interior.

O Parque Nacional: Criado em abril de 1989, o Parque protege o ecossistema do Cerrado e é habitat natural de espécies endêmicas, como o Lobo-Guará, Veado-Campeiro, Tatu-Canastra e o Tamanduá-Bandeira. Além de abrigar as cabeceiras de vários rios que compõem as bacias Amazônica e a do Alto Paraguai, o local preserva sítios arqueológicos de grande importância, com a ocorrência de vestígios pré-históricos, como pinturas e gravações rupestres. O Parque Nacional, situado a 11 km (18 milhas) do núcleo urbano de Chapada dos Guimarães, abrange uma área de 33 mil hectares, onde encontram-se inúmeras trilhas, cachoeiras, rios, piscinas naturais, grutas e incontáveis formações rochosas que embelezam a paisagem.

Fonte: Guia Turístico Mato Grosso

Deixe uma resposta

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>